Sabia que a aveia foi o primeiro alimento a receber o título de alimento funcional?

Aveia: quantas razões quer para introduzi-la na alimentação?

Cada vez mais, a quantidade de pessoas que se preocupa com a alimentação e a prática de exercício físico é maior, seja por questões de saúde, aumento do bem-estar e qualidade de vida ou mesmo por questões estéticas!

Sabia que não está só?

Existem aliados alimentares que ajudam no melhor dos dois mundos: Por um lado acarretam inúmeros benefícios nutricionais e por outro lado ajudam a potenciar a prática de exercício físico. Assim se apresenta a AVEIA!

Aveia: foi considerado o primeiro alimento a ser considerado como funcional. Os seus benefícios abrangem várias áreas:

  • Ajuda a aumentar a massa muscular: rica em proteína (13% da sua constituição), favorecendo a recuperação dos músculos, antioxidante avenantramida que ajuda a eliminar os radicais livros produzidos durante o exercício físico, a sua riqueza em magnésio e zinco ajudam a evitar cãibras e fadiga muscular;
  • Prevenção de doenças: tais como controlo da tensão arterial, redução colesterol LDL (considerado em termos populares como mau colesterol), prevenção de doenças cardiovasculares e certos tipos de cancro, exemplo cancro do intestino. Devido a sua riqueza em antioxidantes que aumentam a produção de ácido nítrico que ajuda a dilatar os vasos sanguíneos e melhorar o fluxo do sangue e a sua riqueza em fibra especialmente beta-glucanos que diminui a absorção de gordura pelo organismo, a presença de aminoácidos estimulam a produção de lecitina no fígado favorecendo a depuração das toxinas;
  • Promotora de saciedade: elevada quantidade de fibras insolúveis (celulose, que o organismo não consegue digerir) e solúveis (beta-glucanas que são parcialmente digeridas).  As fibras absorvem água e crescem de tamanho “ocupando espaço no estomago e promovendo saciedade;
  • Ventre liso: a riqueza em fibraajuda a regular o transito intestinal e a promover a sensação de ventre liso. Por um lado, a fibra em contacto com a água forma um gel que aumenta o bolo fecal e estimula a o funcionamento do trânsito intestinalPor outro lado, ajuda a estimular o crescimento e colonização de microrganismos responsáveis pela flora intestinal, que ajudam no movimento intestinal, eliminação de substâncias toxicas, renovação celular e reforço do sistema imunitário;
  • Perda de peso: a sua riqueza em hidratos de carbono complexosde baixo índice glicémico e em fibra ajudam a prolongar a saciedade por mais tempo, evitam oscilações da glicemia ao longo dia e, consequentemente ataques de fome. O que leva que seja utilizado desde as primeiras etapas do programa FITGYM;
  • Fornece energia:  a sua riquezaem hidratos de carbono complexos com baixo índice glicémico fornece energia gradualmente ao longo do tempo. Tornando-se um excelente pré treino: melhora a performance e reduz o risco de fadiga em treinos de intensidade média;
  • Potencia a beleza que há em si: apresenta uma enorme diversidade em vitaminas e minerais (zinco, silício, ferro, cálcio, fósforo, potássio e vitaminas do complexo B, Vitamina E, respetivamente) ajudam a manter a pele jovem, unhas e cabelo mais fortes, auxiliam o bom funcionamento cerebral;
  • Melhora o humor: as vitaminas do complexo B e o triptofano presentes na aveia promovem a produção de serotonina o que auxilia na função cerebral, aumento do bem-estar, melhora o humor, diminui o cansaço e auxilia na qualidade do sono.

Mas, não ficamos por aqui!!

Para além das vantagens apresentadas a aveia ainda é muito versátil, pelo que se torna fácil enquadra-la em qualquer plano alimentar! Desde pequenos-almoços a lanches saborosos.

Falta de ideias?

Pode utilizar em:

  • Papas de aveia (preferencialmente com flocos de aveia);
  • Panquecas;
  • Batidos;
  • Muffins;
  • Consumir com iogurte;
  • Fabrico de pão;
  • Para panar em substituição do pão ralado;
  • Bolachas caseiras;
  • Base de tartes, pizzas, quiches…

A aveia apresenta poucas contraindicações: pessoas que possuem doença celíaca, síndrome do intestino irritável não a devem consumir em grandes quantidades e regularmente. É completamente desaconselhado a crianças com menos de 6 meses de idade.

Razões não faltam para consumir aveia!

Está à espera do quê para usufruir de todos os seus benefícios

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *